Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

© outro lado da luz

temporadas com dez capítulos de dois minutos cada.

© outro lado da luz

temporadas com dez capítulos de dois minutos cada.

© a Família Scott #1

Aurora e Santiago

© Phil & Penny #1

os anciões reuniram com a tribo, nós bem os víamos a conversar em surdina. nunca nos passou pela cabeça o que dali viria. as crianças voltaram a sentir-se seguras mas as maiores tinham pesadelos. as mulheres eram exímias costureiras e ensinei-lhes a fazer sacos de dormir para as crianças, com alças para elas não os despirem facilmente durante o sono. expliquei-lhes que tinham de ficar aconchegantes para elas reaprenderem a sentir-se seguras. como fazíamos com os tigres bebés, que os homens que assassinavam as mães, deixavam para trás. um dia, estávamos a preparar um pequeno-almoço reforçado, pois tínhamos de ir à cidade. Aurora tinha quase dois anos mas eu continuava a amamentar de manhã, quando os anciões e os mais velhos de cada aldeia vieram ter connosco ao descampado, para um assunto sério. o bosque que Phil e os homens tinham criado, cuidado, estrumado durante tantos meses era agora o início de uma pequena floresta. nós tínhamos reunido a flora, e a fauna veio naturalmente, reforçando a Vida naquele espaço. colocámos um candeeiro no alpendre que Phil concebera, para separar o quarto do sítio onde comíamos, e sentámo-nos protegidos do vento pela floresta, ao som da vida a despertar. teve a voz a anciã, que era a mais velha de todos, e ela começou por nos pedir desculpa em nome da tribo, por não terem respeitado os nossos hábitos culturais, quando nós tudo fizemos para integrar a tribo respeitando tudo o que ela representa. para nossa surpresa, todos nos pediram perdão em inglês. tinham treinado com as raparigas mais velhas. foi um momento de ternura, ouvi-los dizer uma palavra, que lhes era estranha, com a pronúncia certa. ficaram calados à espera. nós surpreendidos e sem adivinhar o que os angustiava tanto, respondemos que não havia nada a perdoar, mas eles insitiram e nós dissemos que os amávamos muito e os perdoávamos do que os angustiava. eles suspiraram de alívio e disseram que estavam gratos, também em inglês. aí ficámos intrigados sobre o que, de tão importante, os trouxera a nossa casa. então a anciã explicou que lhes tinha custado muito ter os soldados da ONU a dormir nos ninhos de amor, mas que o tinham feito pelas crianças da tribo, e que tinham sido egoístas connosco. Phil e eu nunca imaginámos ouvi-los dizer o que se seguiu.

(continua)

4 comentários

comentar post

mais sobre mim

imagem de perfil

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

temporadas

@outroladodaluz
@outroladodaluz

in memoriam

in memoriam

Kuki - A Minha Companheira de Vida
28 Abril 2003 - 01 Abril 2021

arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D